IBGE abre inscrições para concurso com mais de 200 mil vagas

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) publicou nesta quarta-feira (15), no Diário Oficial da União, o edital para seleção de recenseadores e agentes censitários do Censo Demográfico 2022. Serão 206.891 vagas temporárias para todo o país.

-Continua após o anúncio-

Antes deste edital, o IBGE já tinha aberto dois processos seletivos, que foram cancelados, devido a adiamentos do censo. O primeiro cancelamento foi em março de 2020 e, o segundo, em outubro deste ano.

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) publicou nesta quarta-feira (15), no Diário Oficial da União, o edital para seleção de recenseadores e agentes censitários do Censo Demográfico 2022. Serão 206.891 vagas temporárias para todo o país.

Antes deste edital, o IBGE já tinha aberto dois processos seletivos, que foram cancelados, devido a adiamentos do censo. O primeiro cancelamento foi em março de 2020 e, o segundo, em outubro deste ano.

-Continua após o anúncio-

Procedimentos para participação

Para participar, os interessados devem efetuar as inscrições a partir das 10h do dia 14 de dezembro de 2021 até às 23h59 do dia 10 de janeiro de 2022, exclusivamente via internet por meio do site do IBFC.

O pagamento da taxa de inscrição é no valor de R$ 44,00 a R$ 66,00 e deverá ser efetuado até o dia 11 de janeiro de 2022. No entanto, os candidatos que se enquadram nos critérios especificados no edital, podem solicitar a isenção da taxa.

Como forma de seleção, os candidatos serão avaliados mediante a prova objetiva prevista para ser aplicada no dia 20 de fevereiro de 2022. Dito isto, o conteúdo programático será constituído por questões de língua portuguesa, raciocínio lógico, ética no serviço público e noções de administração, noções de informática e situações gerenciais.

A Prova

As provas objetivas serão aplicadas presencialmente em 27 de março de 2022 para agente censitário municipal, agente censitário supervisor e recenseador, seguindo os protocolos sanitários de prevenção da Covid-19.

Como as provas serão realizadas em turnos diferentes – de manhã para recenseador e de tarde para agente censitário -, os candidatos podem se inscrever para ambos os cargos.

As provas serão realizadas em todos os municípios onde houver vagas. O candidato pode realizar a prova em município diferente do que ele escolher para trabalhar.

Provas para agente censitário municipal e agente censitário supervisor:

  • Prova objetiva de múltipla escolha, com 3h30 de duração, das 14h30 às 18h
  • 10 questões de Língua Portuguesa
  • 10 questões de Raciocínio Lógico Quantitativo
  • 5 questões de Ética no Serviço Público
  • 15 questões de Noções de Administração/Situações Gerenciais
  • 20 questões de Conhecimentos Técnicos

Provas para recenseador:

  • prova objetiva de múltipla escolha, com 3 horas de duração, das 9h às 12h
  • 10 questões de Língua Portuguesa
  • 10 questões de Matemática
  • 5 questões sobre Ética no Serviço Público
  • 25 questões de Conhecimentos Técnicos

O prazo de validade dos presentes Processos Seletivos serão de um ano, contado da homologação do resultado final, com possibilidade de prorrogação por igual período.

Clique nos cargos para ver os editais:

Salários do concurso do IBGE

Os recenseadores, que são os responsáveis pela aplicação do questionário do Censo nos domicílios, terão salário variável de acordo com a produção. A carga horária semanal recomendável é de 25 horas. A taxa de inscrição custa R$ 57,50.

Os agentes censitários supervisores supervisionam o trabalho dos recenseadores. Eles têm a carga horária semanal de 40 horas e salário de R$ 1.700.

Já os agentes censitários municipais têm, entre suas atribuições, garantir a cobertura de sua área territorial, o cumprimento dos prazos e a qualidade das informações coletadas. A carga horária é de 40 horas e o salário, de R$ 2.100. O valor da taxa de inscrição para ambos os cargos é de R$ 60,50.

Há vagas em todos os municípios do país, confira abaixo a distribuição

As vagas são distribuídas em 4.409 municípios do país para agente censitário e em 5.297 cidades para recenseador.

Distribuição das vagas para recenseador — Foto: Reprodução
Distribuição de vagas para agente censitário — Foto: Reprodução

FONTE: Agência Brasil